Gray Island Bulba RPG :: Topsites Zonkos - [Zks] ::
versão do sistema: 8.1

Profile
Personal Photo

No Photo

Options
Custom Title
Lucilfer doesn't have a custom title currently.
Personal Info
Location: No Information
Born: No Information
Website: No Information
Interests
No Information
Other Information
Atalho 2: No Information
Atalho 3: No Information
Ficha:: http://rpgonepiece.com.br/index.php?act=ST&f=7&t=4000
Atalho 1: No Information
Pronome:: Ele
Idade: No Information
Alias: No Information
Statistics
Joined: 15-April 17
Status: (Offline)
Last Seen: Yesterday at 06:22 pm
Local Time: Oct 21 2017, 07:05 AM
45 posts (0.2 per day)
( 0.12% of total forum posts )
Contact Information
AIM No Information
Yahoo No Information
GTalk No Information
MSN No Information
SKYPE No Information
Unread Message Message: Click here
Unread Message Email: Private
Signature
View Signature

Lucilfer

Agente do Governo

Topics
Posts
Comments
Friends
My Content
Sep 4 2017, 08:52 PM
Minha sugestão é criar uma área no fórum que funcionaria tipo uma arena. Ou seja, o pvp seria intensificado.

O sistema que eu proponho é que cada um possa fazer uma ficha full, dentro dos limites impostos pelo fórum: Level máximo, gemas máximas, todos os itens, consumíveis e equipáveis, literalmente tudo que se conseguiria num mundo imaginário que o cara tivesse completado mais de 1k de missão. Aliás, daí o nome. Só deixo a critério da staff decidir como funcionaria em casos de Akuma, já que cada um só pode ter uma.

A partir disso, é sangue nos zói. Desafiar no tópico de desafio, e deixar a porrada rolar feroz. Dentro dos limites do fórum, repito.

O esqueleto da sugestão é esse, mas poderia existir outras coisas como: Mini-campeonatos, com premiações para a ficha principal; Deixar obrigatório a criação de um enredo, para não existir lutas avulsas. Decisões de quem fica com Akuma. [...]

Um fórum com um dos sistemas de regras mais bem feitos que eu já vi, e com quase nenhum pvp, briga no chat por causa de luta, ofensas de noob, chamar pro x1, etc. Aliás, irá criar algo para se fazer enquanto se espera a postagem em missões.


É isso, É nós, É vlwssssssssssssssssssss
Aug 28 2017, 11:52 PM
¨2
[dohtml]<center><div style="margin-top:60px; margin-bottom:60px; width:520px; font-family:cambria; font-size:14px; text-align:justify; color:#696969;"><b><div align="right">Missão 2: O treinamento em Beyond.</div><br><center>¨</center></b><br>

A cabeça ainda doía.<br><br>

O olhos ainda arranhavam.<br><br>

A confudão ainda permanecia.<br><br>

O que era aquilo? Onde eu estava? Treinamento? Quem era aquele que estava à minha frente? Palpitava meu coração, dúvidas, e consciência, tudo isso pressionando mais e mais minhas dores de cabeça.<br><br>

Parei por um segundo para respirar com mais calma, buscando uma serenidade forçada. Deixei cada coisa que me perturbava de lado, até anuviar, até sumir. Um passo de cada vez, era e sempre será a melhor maneira de agir. E para começar, precisava tirar daquele homem mais informações, sejam elas quais fossem, qualquer indício de sanidade para que meus pensamentos voltassem para algum trilho.<br><br>

Desculpe-me, senhor, mas seria pedir demais que explicasse melhor o que acabou de dizer? Afinal, se não bastasse as condições que me encontro, ainda tem o fato de eu ter levado uma boa pancada antes de vir parar aqui. — A única mesura que fiz foi um gesto de cabeça, atenuando minha falta de atenção com uma cortesia necessária.<br><br>

Olhei ao redor, tentando, desta vez, retirar alguma informação do cenário. Onde estava? Não sabia. Não fazia ideia. E parecia que não descobriria tão fácil.<br><br>

Maldição, grunhi, sem voz. Num curto espaço de tempo minha vida tinha se tornado um turbilhão de dúvidas, incertezas, e movimentos inesperados. Embora, em algum canto escondido da minha alma, ainda podia sentir aquele calor costumeiro, sentir aquela vontade de se tornar um agente e fazer o bem. Estaria no caminho certo? Essa, de fato, era a pergunta certa.<br><br><br><br>

Spoiler
@Kcyan <br><br>

Confesso que não entendi muito bem o final da última aventura, portanto, sendo fiel a minha maneira de narrar, pedi pro cara explicar de novo. kkkkkk<br><br>

Nos próximos posts vou narrar o conflito mental em abandonar minha antiga missão. Por enquanto, ta tudo confuso demais para pensar direito. É isso, é nóssssssss

</div></center>[/dohtml]
Jun 9 2017, 10:35 PM
Como não tem muito o que fazer além de esperar o post do narrador, resolvi criar algumas sugestões. Sou novo no fórum daí então já peço desculpas se falar qualquer merda. nóssss

— Sugiro uma alteração nos bônus da raça mink, ficando da seguinte forma:

Atributos: Bônus variam de acordo com o animal.
    Grandes predadores: +4 Força, +2 Precisão, -2 Acuidade. Minks de grandes predadores possuem traços de caçadores sendo proficientes em botes fortes, rápidos e precisos.
    Grandes presas: +4 força. Estes mamíferos não apresentam características especiais, sua força e resistência se devem apenas ao seu tamanho.
    Predadores e presas menores: +2 em dois atributos distintos. Esta casta é a mais versátil, visto que estes animais podem ser os mais variáveis possíveis.
Peculiaridades Extras: Recuperação Espantosa é base para todos os Minks. A segunda é variável: Aceleração, Duro de Matar, a escolha de um ponto, respectivamente.
Desvantagens: Fraqueza Natural - Calor. (Daí a staff descreve de maneira mais precisa.)

— Sugiro um limite de evolução para profissões: Uma única Grão-Mestre, duas Mestre, e o restante no máximo Amador/Profissional. (Embora eu acho que só três profissões no máximo já estaria de bom tamanho.) A base para minha sugestão é que simplesmente, tomando números como referência, o melhor é sempre ter todas as profissões. E tipo, eu acho que é bastante tenso todos os personagens saberem fazer tudo. Além de que já existe um limite imposto para o rank máximo de Grão-Mestre, porque não para Mestre também?

— Sugiro um limite para habilidades, podendo ter no máximo duas entre as três grandes, Akuma, Haki, e Ciborgue. A mesma base argumentativa da sugestão para profissão.

— Sugiro que técnicas que envolvam a habilidade Ciborgue consumam menos 50% de combustível. Com o limite sugerido anteriormente, acho que igualaria as habilidades distintas, supondo que haki é quase obrigatório.
May 31 2017, 11:52 PM
[dohtml]<center><div style="margin-top:60px; margin-bottom:60px; width:520px; font-family:cambria; font-size:14px; text-align:justify; color:#696969;">
Missão 1: Investigando o contrabando em Dawn Island.
<br>
¨
<br>

Aqueles olhos pedintes refletiram a luz do sol e, quase como de costume, eu retirei um pedaço de carne velha do casaco ainda mais velho e reparti em duas metades iguais. Iria fazer falta, de fato, mas a falta de alimento causaria muito mais dor a ele do que a mim. Antes de oferecer, porém, resmunguei entre os dentes um contrato verbal que com certeza não fazia sentido nenhum pra ele: Assim que pegasse aquilo que ansiava, partiria logo em seguida. Os dentes se cravaram com força, precisão e raiva, quase como uma metáfora do que eu estava prestes a fazer.<br><br>

O lugar era Dawn Island, uma antiga e reconhecida ilha que flutuava sobre algum lugar do vasto East Blue. A missão era descobrir um contrabando de mercadorias cibernéticas que desvalorizava a própria tecnologia governamental e, evidentemente, destruir todo o esquema e seu líderes. Embora alguns pedaços de papéis embolados dissessem algumas informações desconexas, meus passos ainda permaneciam ébrios diante a realização do objetivo. Sem um ponto de partida concreto, onde eu pudesse obter qualquer informação, seria impossível prosseguir com qualquer estratégia. Não era preciso ser nenhum gênio para descobrir que um bom contrabando tem seus contatos no submundo, e todo submundo que se preze se esconde atrás do grande véu da noite, do odor fétido de cerveja barata, e dos muros caídos de bares cheios. Ainda que faltasse algum tempo para o anoitecer premeditado, restavam coisas a serem feitas sob a luz do dia: Preparativos.<br><br><br>

<img src="http://i.imgur.com/UkIZGRp.jpg">
<br><br>

De imediato, precisaria de um disfarce simples, apenas para manter minha real identidade camuflada. Afinal, um agente do governo ou até mesmo um aspirante a um, chamava bastante atenção. E, nesse caso em especial, um tipo de atenção não muito favorável. Depois, eu iria em qualquer ferraria e compraria alguns lingotes bons e ruins, para forjar algumas armas desnecessárias porém chamativas. A ideia era não só trazer mais verdade à máscara, mas também criar algo que me concedesse liberdade para percorrer as mesas de conversas. Um vendedor de armas é sempre bem-vindo! Sendo assim, meus passos vagaram pela cidade quase populosa em busca do centro comercial. Após encontrá-lo, em seguida, avistei e comparei as lojas de roupas e vestimentas mais próximas. A que fosse mais velha e mais barata era a que eu escolheria para comprar o melhor-pior disfarce para aquele trabalho.</div></center>[/dohtml]
Last Visitors


Oct 15 2017, 03:21 PM




Oct 11 2017, 08:31 AM




Sep 27 2017, 01:13 PM



Comments
No comments posted.
Add Comment