versão 8.1

Pages: (4) « First ... 2 3 4  ( Go to first unread post )
responder
novo tópico
fazer enquete

 Twilight Corps VS Ken Jacob, O Duelo Culinário do Gueto
Gaon
 Posted: Oct 31 2017, 01:25 AM
citar


Gaon




37 posts

Ficha

Gaon is Offline

Fan-Ficker




A vitória veio ao tritão. A tempestade havia acabado, o que Varuna percebeu ao sons de aclamação da vitória da parte dos jurados e da platéia. Isso trouxe um pequeno sorriso ao seu rosto, mas nada mais.

Pensou em como em tempos antigos uma vitória dessa escala teria levado a uma bebedeira colossal e uma briga de bar só para começar as comemorações. Mas dessa vez, estranhamente, Varuna não sentia nenhuma vontade de fazer nenhuma das coisas. Apenas de recolher seus materiais e continuar seu dia, quem sabe relaxar um pouco abaixo das ondas. A vitória o havia causado paz, mas nada além. Supunha que isso era promissor.


Varuna - Obrigado, meus senhores. Agradeço a presença de todos. Em particular, Ken Jacob, cujo respeito não deve ser ofuscado por essa derrota.

Fez uma reverência na direção de Ken e se preparou para sair, quando um grito rompeu o ar.

Ken - PARADO AÍ PEIXE!

Pelo canto dos olhos, Varuna presenciou um homem possuído por fúria irracional correr em sua direçao, faca em riste. Era uma visão que já havia contemplado inúmeras vezes em anos anteriores, mas que agora lhe trazia mais decepção do que nunca.

Enquanto Ken corria, Varuna via cada passo que ele tomava como se durasse uma eternidade. Cada passo uma escolha na direção do abismo do ódio, do qual poucos retornam. Varuna respirou fundo, contando seu fôlego com o ritmo dos passos. Endureceu seus músculos com a firmeza de sua mente, e aguardou Ken se aproximar.

Deixou a lâmina colidir contra seu abdómem endurecido, e calmamente se pronunciou.


Varuna - Senhor Jacob, você sabe qual é o Décimo terceiro mandamento do Gyoujin Tai Chi? "Não avançe contra a tempestade, se o ribombar do trovão amedronta seu coração."

Com um brusco movimento, Varuna agarrou a lâmina com seu estômago e tentou arrancá-la para fora da mão de Ken.

Varuna - Pois bem. O trovão acaba de ribombar. Continuarás caminhando contra a tempestade, Senhor Jacob?

Encarou o homem com um olhar sombrio.

O encontro com o escravocrata no dia anterior havia enegrecido as nuvens de seu espírito. Ken talvez rompesse o relâmpago, caso continuasse nesse caminho.


---

OFF: Varuna está tentando um desarme nessa ação.

OFF2:
Spoiler
Nome: Will Of Rolling Thunder (1PE):
Descrição: Utilizando a harmonia inerente ao Gyojin Tai Chi, Varuna suavemente absorve impacto de ataques inimigos com os músculos de seu próprio corpo.
Slots: --
Bônus: + (nivel) resistencia
Custo: (nivel) EP


Spoiler
✦ FORÇA: 4(+4)
✦ ACUIDADE:4(-2)
✦ PRECISÃO:7
✦ DESTREZA:7
✦ VITALIDADE:12(+2)


Spoiler
✦ DANO CORPO A CORPO:8 + 0 + 2 + 0 = 10
✦ DANO A DISTÂNCIA:2 + 0 + 0 + 0 = 2
✦ DANO DE ARREMESSO:8 + 0 + 0 + 0 = 8

✦ ACERTO CORPO A CORPO: 7 + 0 + 0 + 0 = 7
✦ ACERTO A DISTÂNCIA: 7 + 0 + 0 + 0 = 7

✦ ESQUIVA: 7 + 0 + 0 + 0 = 7
✦ BLOQUEIO: 7 + 0 + 6 + 0 = 13
✦ AGILIDADE: 7 + 0 + 0 + 0 = 7

✦ RESISTÊNCIA: 14/2 + 0 + 3 + 2 = 12
✦ PONTOS DE VIDA: 12x5 + (2x10) = 80
✦ ENERGIA:38+(2x10) = 58

✦ DORIKI: (38+2)x5 = 200

✦ Formato: Atributo + Equimamento + estilo de luta + Pericias, Aprimoramentos e Demais=Total


Spoiler


✦ PECULIARIDADES:
• Duro de Matar (RACIAL): Você é mais apegado a vida do que pensa, sendo capaz de resistir à golpes que fariam outros cair. Benefício: Quando recebe um dano que zeraria seu PVs, o personagem fica com 1PV e o ataque é finalizado, interrompendo combos se necessário. Isso pode ser usado apenas uma vez por aventura. Ferimentos e dores são levados em consideração normalmente.
• Empatia com Animais Marinhos (RACIAL): Os animais não veem ameaça algum no personagem, chegando até a verem-no como um semelhante. Sua presença não afugenta animais selvagens e sua aproximação não os fará atacá-lo (a menos que estejam sendo provocados). Benefício: Aumenta as chances de sucesso ao interagir com animais. Pode ser usado em conjunto com a profissão "Adestrador" para aumentar sua eficiência.
• Faro Aguçado (1PE): Você tem um olfato com sensores capazes de farejar tão bem quanto um perdigueiro. Benefício: Quando identifica o cheiro de algo ou alguém consegue seguir os rastros, mesmo à grandes distâncias e em meio a outros cheiros (desde que esses não sejam excessivos), mas pode perder o alvo caso este modifique seu cheiro ou algo externo apague os rastros (como chuvas pesadas ou cheiros muito fortes interferindo a busca).
• Memória Expandida (1PE): Você tem uma memória infalível. Pode lembrar tudo que seja ligado aos cinco sentidos, e jamais esquece nada, MESMO que queira. Benefício: Interpretativo. O GM pode avisar o jogador que ele está se esquecendo de alguma informação dada anteriormente sempre que tal informação seja importante para a cena (mas não precisa especificar qual é a informação).
• Pele de aço (1PE): seja por uma característica racial ou por uma mutação, o fato é que seu corpo é mais resistente que o normal, aguentando mais golpes que outras pessoas. Benefício: Concede um bônus +2 em Resistência.
• Sincronismo Natural (1PE): O personagem tem uma habilidade natural para se adaptar aos diferentes estilos de combate de seus adversários, sendo capaz de aumentar sua eficiência conforme estende suas lutas. Benefício: A partir do terceiro turno de combate contra um inimigo em particular, o personagem recebe um bônus +1 nas jogadas de acerto, dano e defesa, e esse bônus aumenta em +1 a cada novo turno, até um máximo de +3. Esse benefício só pode ser usado contra um oponente por vez, e é perdido ao final de cada combate

--------------------
mp
^
Yusuke Urameshi
 Posted: Nov 2 2017, 03:11 PM
citar


Yusuke Urameshi




1068 posts

Ficha

Yusuke Urameshi is Online

Administrador





A reação de Jacob afeto todas as pessoas de formas diferentes, como um catalizador para reunir as forças de certas pessoas, o destino tem uma forma intrigante de agir, pois como na noite anterior, agora todos estão no meio de uma confusão com um chef de cozinha que dizem que viajou para lugares incríveis.

Moonshine toma a dianteira da mesa dos jurados e atira duas vezes para cima, assustando ainda mais as pessoas do local, criando uma atmosfera a onde somente os envolvidos no meio tem alguma liberdade movimento, pois as laterais estão com pessoas correndo por suas vidas.
E com um olhar de Sereia misturada com faroeste a moça causa uma sensação de desespero ainda maior a Ken, que não para se percurso de ataque. Uma coisa é certa ele não avançaria contra Moonshine no momento.

Corvo anuncia a arma que esta sendo usada pelo agressor, porem inútil depois dos tiros feitos em direção ao grande céu azul. Mesmo recebendo uma mensagem da deusa, decide ajudar a mulher do cozinheiro que esta no chão, e logo a mesma aceita o ato de cavalheirismo do sujeito. Agora de pé observam a cena a seguir.

Eon que perdia todo e qualquer tipo de chance de anunciar a empresa alimentícia que seu grupo esta para inaugurar. Se movimentando de forma a tentar sua presença o menos chamativa possível, mas não parece ter sucesso ou fracasso, pois a investida não muda seu foco. Mas esse não seria o único movimento do garoto alado.

Shaw pegando sua arma espera uma oportunidade de ser útil, já que se meter no meio de tanta gente assim poderia significar ser alvo de um possível caso de "fogo amigo". Então como um verdadeiro animal selvagem aguarda para ter a maior chance de capturar/atacar sua presa.

Jacob alcança Varuna e com toda agressividade ele perfura o tritão com a faca de cozinha, parecendo que ainda queria continuar preparando algum tipo de prato de frutos do mar. Porem esse peixe Bagre é muito diferente de animais que não tem como se defender na superfície, e com a ajuda de seus músculos, especialmente localizados na região abdominal, faz a faca coberta por uma fina camada de sangue voar a alguns metros perto de Corvo.

As ações de Varuna mais suas palavras fazem os olhos de Ken ficarem trêmulos, e uma expressão de espanto domina o rosto do mal perdedor, que logo cai de joelhos aos pés do tritão.
Eon não perdia a oportunidade e algema o agressor e deixa ele com seus braços imobilizados para trás, como um réu esperando a confirmação de sua execução. E nessa hora o rosto de Jacob muda para uma de choro e vergonha.


Ken http://files.b1.jcink.com/html/emoticons/sad.gif - Me desculpa... Deculpa... Eu, eu.

Parecia que as palavras trancavam em sua garganta e não deixava elas saírem como deveriam, podia ser uma encenação?
Poderia ser o verdadeiro lado de uma pessoa que foi para vários lugares do mundo, e tal experiencia tenha elevado sua moral de grandeza, o que não poderia deixar perder para qualquer um, ainda mais alguém que nem era da raça humana.


Ken http://files.b1.jcink.com/html/emoticons/sad.gif - Eu estava errado. E você é um cozinheiro melhor do que eu.

Barbara começa a desabar em choro também, mas muito chocada para fazer qualquer outra coisa.
Restando agora para o grupo que ficou praticamente sozinhos no lugar a onde teve a batalha culinária, qual seria as atitudes de cada um ao perdedor que logo se tornou um agressor?

Varuna podia observar que seu ferimento não tinha causado grandes estragos, aliais, não aparentava nem estar a um nível de corte profundo. Podendo pensar se Ken Jacob é realmente tudo isso que os rumores dizem. Pela sua experiencia em brigas sabe que um curativo básico já resolveria a situação.


QUOTE
Varuna: -5 HP | Já reduzido com sua resistência.




@Beja @Buse @Gaon @Anny-chan @ShadTK
--------------------
Spoiler
user posted image

Minha Ficha
mp
^
ShadTK
 Posted: Nov 2 2017, 08:22 PM
citar


ShadTK




293 posts

Ficha

ShadTK is Offline

Desenvolvedor




Eon Paganini

Um Teste de Revelações



*click* e *twrp*, soam as algemas ao serem fechadas¹. Não houve muito dificuldade para prender Ken, que não demonstrou resistência após perder sua arma.


¹ A sonoplastia de uma algema indica muito sobre seu funcionamento. *twrp* é um ótimo indicativo sobre a qualidade das algemas, porém é facilmente confundivel com *twerp*, que pode ser um sinal de parafusos frouxos no equipamento. É sempre importante prestar atenção nos detalhes, para evitar inconvêniencias.


Eon observa o estado emocional de Ken, e sua confissão. Algemado e desarmado, o homem desaba no chão. Eon presta atenção nas ações do homem, tentando idêntificar se as emoções eram genuínas ou simplesmente ensaiadas *¹.

Varuna parecia bem, como ele havia previsto. O Homem Peixe que corta peixes com uma faca foi cortado por uma faca de cortar peixes usada por um homem que corta peixes², mas não parecia ter se machucado mais do que na noite passada.


² Tente dizer isso 3 vezes rápido


A tempestade passou tão rápido quanto veio, e nada além dos choros de barbara e ken tomam conta do local.

- Ok. Acho que já deu o minuto de silêncio para contemplação dos erros. Varuna!

Eon chama a atenção do tritão, e arremessa a chave das algemas de Ken.

- Você foi a vitima. Você decide. Se fosse comigo, eu... teria corrido e saltado em cima do telhado mais próximo, porquê geralmente eu me lasco nessas brigas mano-a-mano. Eu com certeza não estaria numa situação dessas. - ele deu de ombros - Então não sei o que dizer

Eon calmamente se dirige até seu assento, pegando a mochila com seus dinheiro, itens e antidotos. A tensão no ar era tão densa que podia ser cortada por uma faca

Eon se perguntava porquê ninguém havia pego tal faca e cortado a tensão até agora. Afinal, cortar coisas é deveras divertido.

- Bom, tem que levar o fogão de volta pra loja. Acho que acabamos aqui, sejá lá o que foi tudo isso. Agradeço pela comida!

Levantando o pulso para ver as horas, Eon logo percebeu que não tinha um relógio, e se sentiu levemente constrangido por ter esquecido deste fato
E, logo depois, se lembrou de algo importante.

- Ah! O barco! Varuna, eu comprei um barco!

Ainda ignorando a seriedade da situação, Eon continuou com sua exposição

- A essa altura ele ja deve estar pronto. - Ele faz menção de olhar o pulso novamente, procurando pelo relógio inexistente, mas se corrije na ultima hora - Tem uma cozinha embutida, já com todos os equipamentos! Pelo menos, foi o que o vendedor me prometeu.

De braços cruzados, ele continuou a falar, mesmo que ninguém estivesse ouvindo-o

- Provavelmente vamos precisar de mais ajuda para poder tocar o negócio. É maior do que eu pensava, e as logisticas pra rodar um restaurante móvel são... desafiadoras. Mas eu imagino que vai dar tudo certo.

Com a noticia dada, ele vai até o fogão e começa prepara-lo para levar de volta a loja de eletrônicos. Olhando a cena, percebeu que a sereia e o gato ainda estavam lá, pessoalmente envolvidos no desenrolar da trama. Ele acenou aos dois:

- Uh, valeu por tomarem iniciativa e ficarem ai quando a coisa ficou preta. Honroso da parte de vocês. - Disse enquanto amarrava os cabos do fogão - Teve um marinheiro ontem que me encheu o saco por ter disparado minha arma em público. Por mais que eu tenha disparado pra chão, e não pro céu. Me pergunto onde esses tiros pro alto vão cair...?

- Enfim. Eu tentei quebrar o gelo ai. Vocês se decidam o que fazer agora.

E então Eon continuou a trabalhar para desmontar as mesas e o evento num geral, enquanto todos se resolvem.


1* Vantagem: Sensitivo






HP:40/40 -------- ENERGY:54/54






Atributos Primários
Spoiler


FORÇA: 2
ACUIDADE:4
PRECISÃO:10+2
DESTREZA:10+2
VITALIDADE:4


Atributos Secundários
Spoiler



DANO CORPO A CORPO:2 + 0 + 0 + 0 = 2
DANO A DISTÂNCIA:4 + 1 + 6 + 2 = 13
DANO DE ARREMESSO:4 + 1 + 0 + 0 = 5

ACERTO CORPO A CORPO: 12 + 0 + 0 + 0 = 12
ACERTO A DISTÂNCIA: 12 + 0 + 0 + 2 = 14

ESQUIVA: 12 + 0 + 2 + 1 + 1 = 16
BLOQUEIO: 12 + 0 + 0 + 1 + 1 = 14
AGILIDADE: 12 + 0 + 2 + 4 + 1 = 19

RESISTÊNCIA: 4/2 + 1 + 0 + 0 = 3
PONTOS DE VIDA: 4x5 + (2x10) = 40
ENERGIA:34+(2x10) = 54

DORIKI: (34+2)x5 = 180

✦ Formato: Atributo + Equimamento + estilo de luta + Pericias, Aprimoramentos e Demais=Total


Vantagens
Spoiler


PECULIARIDADES:
Aceleração (1PE): Você é mais ágil que o normal e pode realizar ações e correr mais rápido. Esta Vantagem permite realizar uma tarefa que normalmente tomaria sua movimentação no turno, como recarregar uma arma ou desativar uma bomba, porém ela não permite atacar mais do que o estipulado pelo mestre.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +4 em Agilidade.

Visão Aguçada (2PE): Possui uma visão além do alcance, consegue enxergar mais distante e também com mais nitidez que um olhar normal.
Benefício: Consegue enxergar melhor que o normal na penumbra (mas não em escuridão total). Recebe um bônus +2 em jogadas de acerto e dano para ataques à distância, e esses bônus são dobrados quando obtém sucesso em um ataque surpresa.

*Peculiaridades da raça

APRIMORAMENTOS:

Acrobata: Com grande capacidade de movimento, consegue entrar com facilidade em locais de difícil acesso, executar difíceis manobras e realizar acrobacias diversas.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa.

Equilíbrio Perfeito: Em condições normais, o personagem sempre consegue se manter em pé, independente de quão estreita é a superfície na qual ele está andando (uma corda esticada, uma saliência, um galho de árvore, etc.).
Benefício: Interpretativo; Recebe um bônus +4 contra testes de derrubar, e tem 25% de chance de ignorar o estado "derrubado".

Pulo do Gato: Contanto que o personagem não esteja amarrado ou preso, ele sabe como cair, isso mesmo! Qualquer queda, você sabe racionalmente e instintivamente como amenizar os danos do tombo.
Benefício: Interpretativo. Dano por queda é reduzido pela metade, e tem 25% de chance de ignorar o estado "derrubado".


Le Parkour (2PE): É uma atividade onde seus adeptos percorrem um caminho cheio de obstáculos e tem por finalidade chegar ao final do percurso em menos tempo. É composta por escaladas, saltos e outras manobras arriscadas na intenção de superar obstáculos rapidamente. Soma com Acrobata.
Benefício: Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa e agilidade, e ignora penalidades por terrenos difíceis.

Aparência Inofensiva (1PE): Por algum motivo você não parece perigoso. Talvez pareça muito pequeno, muito fraco, uma menininha segurando um pirulito... você escolhe o motivo. Além de outros benefícios, como entrar em lugares protegidos sem levantar suspeitas, possuir uma Aparência Inofensiva também ajuda em combate, pegando o oponente desprevenido. O truque NÃO funciona com ninguém que já tenha visto você lutar, e também não engana duas vezes a mesma pessoa! Não acumula com outras aparências.
Benefício: Interpretativo; Recebe penalidades quando tenta intimidar outros alvos; Quando cumpre os requisitos e limitações do aprimoramento pode aplicar um ataque surpresa mesmo que tenha sido notado, e recebe um bônus +2 neste teste.

Resistência ao álcool (1PE): Por algum motivo você adquiriu uma resistência maior ao álcool do que pessoas normais, podendo resistir aos efeitos da embriaguez.
Benefício: Quando sofre um ataque de "Embriaguez" o efeito diminui em um nível (mínimo nível 1).


Armas & Equipamentos:
Spoiler

https://vignette2.wikia.nocookie.net/nerf/i...&path-prefix=pt
Nome do Item:Stryfe SMG I
Bônus: +1 de Dano a distância
Descrição: Uma arma de brinquedo semi-automatica fortemente modificada, de forma que é capaz de atirar dardos de madeira com a mesma potencia que uma mini-bestra.
Historia do Item: Uma masterpiece de modificações de pistolas, estas pistolas surgiram em uma tarde de domingo, quando Eon e Seu pai estavam determinados a construir a mais poderosa arma de brinquedo do mundo. Um complexo sistema de molas, elasticos, imãs e espumas tornam esta pequena arma surpeendentemente letal.
Custo: 50.000 B

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q...S5Q-IVotIOR5zkA

City Escaper
Bônus: +1 de resistencia
Descrição: Um par de botas azuis com a sola particularmente grossa, pois contem rodas retrateis que permitem transformar a bota em um par de patins. São surpreendentemente confortaveis.
História: Cansado de trocar entre sapatos e patins, Icarus modificou um calçado de maneira a colocar 4 rodas em sua sola, assim podendo andar de patins onde bem entendesse. De quebra, dá mais 2 centimetros de altura!
Custo: 75.000 B




QUOTE




--------------------
Informações Rapidas do personagem:

Spoiler

Narrativa
Fala

nota de rodape


HP:
100% Saudavel
70% Escoriado
50% Machucado
30% Ferido
10% Estado Grave
0% Inconsciente




Atributos:

✦ DANO CORPO A CORPO: 1
✦ DANO A DISTÂNCIA: 9
✦ DANO DE ARREMESSO: 3

✦ ACERTO CORPO A CORPO: 4
✦ ACERTO A DISTÂNCIA: 4

✦ ESQUIVA: 8
✦ BLOQUEIO: 8
✦ AGILIDADE: 12

✦ RESISTÊNCIA: 1
✦ PONTOS DE VIDA:20
✦ ENERGIA:29

✦ DORIKI: 100


Peculiaridades:

Memória Expandida
Sensitivo
Aceleração

Vantagens:

Acrobata
Equilíbrio Perfeito
Pulo do Gato
Le Parkour
Artista(Brinquedos)
Aparência Inofensiva
Resistência ao álcool

Desvangatens:

Inadaptação (Água)
Preconceito (Leve)
mp
^
Beja
 Posted: Nov 7 2017, 03:57 PM
citar


Beja




22 posts

Ficha

Beja is Offline

Aventureiro




Shaw
Twilight Corp vs Ken Jacob

No ataque surpresa, Jacob conseguiu estocar a faca em Varuna, sendo desarmado e algemado em seguida. Sem ação, o cozinheiro falido caiu aos prantos, comovendo alguns dos presentes alí.

O jurado baixinho pareceu mostrar clemência, deixando a chave - e a decisão sobre o ataque covarde de Jacob - com Varuna. Shaw, inicialmente, se incomodou com aquilo: uma atitude como aquela não merecia perdão.

Olhou furioso para Jacob, se aproximando calmamente de Varuna. Por fim, passou a sentir pena também: ao ver o perdedor de perto, reparou que era apenas um homem sem espírito, do tipo que realmente nunca vai ser o melhor em nada.

- Você é um sujeito muito inspirador - disse ao tritão, tocando gentilmente em seu braço (quando na verdade queria colocar a pata em seu ombro). Olhando-o, deu um sorriso de lábios, como se o agradecesse por proporcionar aquela incrível disputa.

- Uh, valeu por tomarem iniciativa e ficarem ai quando a coisa ficou preta. Honroso da parte de vocês. - o jurado baixinho interrompia o momento de Shaw, aparentemente dirigindo-se a ele e Moonshine - Teve um marinheiro ontem que me encheu o saco por ter disparado minha arma em público. Por mais que eu tenha disparado pra chão, e não pro céu. Me pergunto onde esses tiros pro alto vão cair...? - e Shaw então olhou pra cima, levando involuntariamente as patas à cabeça, buscando se proteger.

O baixinho falava a Varuna de um barco, aparentemente se preparando para alguma aventura ou viagem. Seriam eles algum tipo de equipe? Talvez... Piratas? Shaw olhou para Viper e depois para Moonshine para ver a reação de ambos. Tudo que queria era um pequeno empurrãozinho para entrar naquele grupo também, mas era tímido e receoso demais para tomar alguma iniciativa. Por fim, olhou para Eon e agradeceu as palavras com um sorriso, visivelmente sem jeito.

- Eu nem fiz nada... - disse baixinho, olhando para o chão, Levantou os olhos novamente para Eon, ainda inseguro - Vocês, são, ehr... Companheiros? Vão navegar pelo mar? Pra onde estão indo?

mp
^
Anny-chan
 Posted: Nov 7 2017, 09:30 PM
citar


Anny-chan




10 posts

Ficha

Anny-chan is Offline

Aventureiro




Quando Moon viu que Jacob não havia parado e que o ataque desesperado do homem havia acertado Varuna, seu primeiro instinto era parar o homem de qualquer jeito, caso ele começasse a entrar em um ataque de furia continuo. Entretanto, quando viu que o homem largava a faca e caia de joelhos, chorando, abaixou a arma. Ela se aproximou da cena, olhando para o corte na barriga de Varuna - dava pra ingnorar por alguns segundos. Ela então se virou para Ken, que, logo após ser imobilizado por Eon, suplicava o perdão do tritão, e o observou atentamente.

Naquele momento, não conseguia sentir raiva do homem. Somente nojo, e um desprezo interminável pela sua falta de honra e coragem para seguir firme em suas decisões. Assim que todos se afastaram dele, Moon cospiu no avental de Ken, desgostosa.

"Mai tu num vale o pão que tu come, lazarento. Um duelo pela minha honra contigo nem ia dá em nada. Tu enfiou tua honra tão fundo no rabo que tá entre as perna que pra recuperá só mesmo te estripando. E tu é tão baixo que nem uma bala tu merece. Tu vai passa é o resto dos seus dia lamentando na desgraça. E tu pode levar aquela vadia contigo - já chega de Loguetown pra mim."

Enquanto Shaw encostava a pata em Varuna, ela se virou para o tritão, pegando as poucas coisas de médico que carregava consigo.

"Ô seu peixe, melhô fazê um curativo nesse corte. Se tu me deixá, eu trabalho no hospital. Ou trabalhava, acho. Eu tô pra sai dessa cidade de maluco, isso sim. Acredita que um doido ataco um colega meu pra saí do hospital hoje? Pft."

Depois que o tritão expressou sua permissão, mesmo que ressabiado, Moon trabalhava no curativo quando Eon falou.

"Uh, valeu por tomarem iniciativa e ficarem ai quando a coisa ficou preta. Honroso da parte de vocês. Teve um marinheiro ontem que me encheu o saco por ter disparado minha arma em público. Por mais que eu tenha disparado pra chão, e não pro céu. Me pergunto onde esses tiros pro alto vão cair...?"

Moon riu de leve.

"Se preocupa não, garoto. Eu virei a Happy Sally pro mar, se for cair em algum lugar vai ser por lá... Eu acho." Ela fez uma pequena pausa, pensativa, antes de voltar a focar na tarefa que estava fazendo. "Ocê disse algo sobre um navio? Cêis tem um médico a bordo? Porque eu to procurando memo um emprego novo, e um navio não me parece uma ideia tão ruim não." Ela terminou o curativo rapidamente, com todo o cuidado de alguem que era experiente nesse tipo de coisa, e se levantou. Então tirou o chapéu, cumprimentando os dois. "Se ocês quiserem as referência, meu nome é Moonshine Eastwaters. Sô médica no hospital de Loguetown, e a mió pistoleira desse lado da Grand Line nas hora vaga."

--------------------
Spoiler
user posted image

Minha ficha
mp
^
Buse
 Posted: Nov 8 2017, 02:28 PM
citar


Buse




140 posts

Ficha

Buse is Offline

Estagiário




Corvo estava tenso. A situação era complicada, e não se sabia quem era perigoso e quem não era. Seus nervos estavam à flor da pele, e ele estava disposto e preparado para enterrar o machado no crânio de qualquer pessoa que viesse a causar ainda mais problemas... mas nada aconteceu.

A faca que Ken utilizou para atacar Varuna, por exemplo, havia desaparecido. Aliás, faca? Que faca? Eu tenho certeza que Ken atacou Varuna com um soco. O quê, você viu um dos jurados pegar a faca e a esconder em suas roupas? Especificamente o de cabelo comprido com cara de trambiqueiro? Que absurdo. Como ele poderia ter feito isso, se nenhuma faca foi usada? Tsc tsc tsc, esse povo que vê as coisas erradas...

Enfim, seu foco se mantinha em Ken e Barbara. O velho havia sido algemado e não era mais uma ameaça, mas sua companheira definitivamente estava tramando algo. O jeito que ela falava, a forma que agia, eles não eram um casal normal... ou eram, porque agora estavam os dois desabando em lágrimas e melancolia. Huh. O ladrão não acreditava nem um pouco no arrependimento de ambos, mas transparecer essa desconfiança poderia ser pior para ele. Se manteve próximo da mulher, colocando a mão em suas costas em uma demonstração incerta de apoio. Se percebesse uma abertura, a puxaria em um abraço para a consolar, se não, a daria espaço, mas invariavelmente manteria suas reações rápidas caso ela tentasse o esfaquear ou sei lá o quê.

Claro, até o minuto de silêncio para a contemplação dos erros acabar. Nesse ponto, ele foi até o cozinheiro derrotado, se abaixando para o encarar de perto.

- Então, cê pode começar a demonstrar seu arrependimento contando pra gente a parada que cê botou na sua sobremesa, que eu não sou cego nem burro. - Mudava de malandro consolador de esposas alheias para interrogador irritado em um instante. Seu olhar indicava para o velho que estava sério e definitivamente nem um pouco disposto para brincadeiras. Precisava saber se era veneno ou só algum laxante esquisito, vindo daquele velho, tudo era possível.

Claro, até Eon começar a falar novamente.

QUOTE (Dentro da cabeça de Corvo)
- Puta que pariu.

- PUTA QUE PARIU.

- ELE COMPROU A PORRA DUM BARCO EM UMA NOITE!

- SIM!!! NÃO É DO CARALHO?

- PORQUE VOCÊ NÃO ME AVISOU?

- TÁ BRINCANDO? EU QUERIA VER SUA CARA QUANDO VOCÊ DESCOBRISSE! Vai, força mais a cara de sério aí, ou vão descobrir que você era um jurado comprado o tempo todo.

- Todos os jurados da competição eram comprados, mas isso não é importante agora! Esse moleque gastou o MEU dinheiro!

- EXATO! Não é maravilhoso? Ele é minha nova pessoa favorita, você TEM que converter ele pra mim. Ah, e a partir de agora sempre deixa seu dinheiro com ele.

- Isso eu já ia fazer de qualquer jeito... um barco em uma noite, eu tô impressionado. Glória a esse moleque, emissário do caos!


Seu rosto se mantinha extremamente sério durante toda a conversa, focado em tirar respostas do velho. Até Moonshine mencionar um ataque a um médico no hospital, e fazer Corvo misteriosamente se engasgar com uma mosca que havia entrado em sua boca enquanto respirava, tossindo e se afastando do grupo por um momento antes de voltar com a expressão séria recuperada e pronta para mais uma mentira deslavada.

- Ae, pra onde cês vão agora? Eu tenho que ir pra Shells Town, rola uma carona se vocês forem praquele lado? - Não podia revelar que era companheiro deles, mas precisava de uma desculpa para acompanhá-los. Ele podia simplesmente se afastar e encontrá-los novamente no porto? Podia. Mas seria mais divertido que ficar por ali e ver quais outras bizarrices aconteceriam com aquele grupo peculiar? Definitivamente não.

This post has been edited by Buse: Nov 8 2017, 02:35 PM

--------------------
user posted image
mp
^
Gaon
 Posted: Nov 11 2017, 07:02 AM
citar


Gaon




37 posts

Ficha

Gaon is Offline

Fan-Ficker




A violência havia marchado contra Varuna. Sua filosofia havia falhado, e a hora do combate tinha chegado. O tritão começava a se acostumar com isso, em algum nível começando a questionar a validade de sua ideologia. Seria seu pacifismo equivocado?

Foi nesse momento que presenciou Ken caindo de joelhos, pedindo perdão. É claro, podia ser um truque ou uma trapaça, e Varuna estava ciente disso, mas sua consciência maior era de um conceito: o do fluxo do universo. E naquele momento, Varuna via o universo fluindo a seu favor, lhe extendendo a mão.

Olhou para Ken no chão, e sorriu


Varuna -- De pé, meu bom homem.

Varuna agarrou a chave que Eon lhe jogara enquanto algemava Ken. Olhou para a chave na sua mão, refletindo o que fazer. Enquanto refletia, ouviu uma distante voz dizer que ele era inspirador.

Varuna olhou ao redor, e viu nada, por um momento pensando que talvez esta fosse a voz do próprio universo, dando-lhe esperança, uma divina mensagem de fé nas suas crenças.

Mas aí olhou para baixo e viu um gato falando enquanto tentava alcançar o seu dedo mindinho com a pata. Nem mesmo a força zen conteve a plena surrealidade da cena, e a única resposta que o tritão pôde conjurar foi


Varuna - Uh...obrigado.

Varuna havia conhecido alguns minks anteriormente em sua vida. Talvez o mais memorável tendo sido Felini Felini, "O Grande", um gato bípede que tinha uma tendência a tirar fotos conceituais e artísticas da guerra racial entre humanos e tritões em nome da arte. Ganhou o quadrágesimo sétimo concurso de fotografia do Novo Mundo com uma foto de Varuna esmagando a cara de um marinheiro com o punho.

Estava calculando se havia alguma possibilidade desse gato ter alguma relação com Rackham quando escutou Eon mencionar que havia comprado um barco com uma cozinha embutida. O fluxo do universo agora havia lhe trazido o perfeito: um lugar para cozinhar e cruzar os mares, em sua busca por paz.

Varuna gargalhou.


Varuna - Gya-ha-HA! É claro que você comprou, garoto. Não estou nenhum pouco surpreso. Um navio itinerante de cozinha. Eis uma ideia interessante, eh?

Enquanto refletia sobre isso, a pistoleira deu um passo a frente. Falou algo sobre curar os ferimentos de Varuna, mas o tritão só entendeu uns 40%do que ela falava. Estava focado naquele sotaque ridículo que ela ficava tentando fazer, agora que o stress do duelo havia passado.

Varuna - Bom, vá em frente, faça os curativos se quiser. Minha barriga é bem resistente. Mas cuidado com o sol.

Tateou o sol tatuado na sua barriga, chamando atenção para ele com orgulho.

Confessava que em todos os seus anos perambulando pelo mar, nunca havia escutado aquele sotaque. Mas também, em todos seus anos perambulando pelo mar, não havia presenciado um homem desistir de seu ódio com tamanha facilidade quanto Ken, e por isso voltou-se para ele.

Jogou-lhe a chave de suas algemas e pôs a mão em seus ombro. Olhou em seus olhos e disse


Varuna - Eu fiz coisas ruins, há muito tempo atrás. Coisas que alguns diriam ser imperdoáveis. Passarei muitos anos procurando redenção, disso eu sei, mas um homem sábio uma vez me disse: "As vezes a melhor forma de resolver os seus problemas...é ajudando com os problemas de outra pessoa.". E eis a minha verdade para você. Aqui lhe dou uma segunda chance, tal qual o universo me deu. Vá, e deixe essa chance criar raiz no seu coração, e que o filho desse solo alimente muitos a seu redor, porquê doce é o fruto de um coração contrito, e forte é a raiz de um espírito redimido. Mas aviso-lhe, Ken Jacob, que sombrio é o destino daqueles que rejeitam a semente da redenção, pois o solo de seus corações irá ser envenenado pelo seu ódio, e daquela terra se erguerá nada além de ervas daninhas, que destruirão o solo e tudo ao seu redor, e a terra de tua alma será nada além de areia e pó ao vento. Escute minhas palavras e veja a verdade.

Após uma pausa, acrescentou.

Varuna - E venha comer no navio-restaurante, quando abrimos. Acho que logo devemos estar zarpando para Shells Town, em uma viagem que toda companhia é bem vinda. Mas primeiro, claro, precisamos de uma grande abertura! Uma festança de comida sem igual!

Comemoru, com um sorriso.

Varuna - Você podia chamar alguns amigos e ir lá, inclusive, Ken. Seria mais do que bem-vindo.

Tatetou o sol na sua barriga. Imaginava que em algum lugar, seja lá onde fosse, talvez o velho capitão que um dia velejou sob aquele sol estivesse feliz: "Suas últimas palavras foram escutadas, capitão. E crescem um jardim no solo de minha alma", refletiu Varuna.

This post has been edited by Gaon: Nov 11 2017, 07:22 AM
mp
^
Yusuke Urameshi
 Posted: Nov 12 2017, 01:29 PM
citar


Yusuke Urameshi




1068 posts

Ficha

Yusuke Urameshi is Online

Administrador





Com Ken de joelhos para esses estranhos que acabaram se envolvendo em tudo que ocorreu até chegar nesse momento, o cozinheiro derrotado só podia aguardar o julgamento das pessoas que ele tratou tão mal. Ficando quieto e escutando as palavras de cada um ali dizia.

Eon por sua vez já tinha feito o que queria, e deixando as chaves com Varuna para tomar a decisão final, e ao se aproximar do fogão percebeu que o jovem que havia lhe ajudado a trazer esse tal aparato havia fugido com a multidão, assim não tendo mais ajuda para carregar algo de um peso bem difícil para as condições do Skypean.
Ficando para sua decisão como deveria agir nesse momento, porque se escolher carregar, poderia apostar que demoraria um bom tempo fazendo essa tarefa.

Shaw mesmo não tendo feito algo muito chamativo, roubou um pouco de atenção só por ser o que ele realmente parece, um gato falante. E ao escutar sobre um barco foi como conseguir alcançar os seus próprios objetivos de ir ao grande mar, e quem sabe esse bando de gente estranha poderia ser os companheiros que ele tanto busca. Deixando suas duvidas e esperando respostas que podem lhe agradar ou não.

Moonshine foi a que demonstrou o maior sentimento de desgosto, e a ideia de ter um duelo com alguém desse tipo só mancha suas intenções anteriores, as ações da garota tinham um peso bem grande, e deixando Jacob olhando somente o chão.
Uma das qualidades dessa menina que fala de forma esquisita, é seus conhecimentos na medicina, que acaba por resolver o ferimento do Tritão. E como se esse pequeno curativo fosse o cartão de visita de Moon ao falar que poderia trabalhar como médica abordo do navio. E como o pequeno Mink parecia querer sair da ilha e viajar para outros lugares.

Corvo não sabia como Ken feriu seu amigo marinho com as mãos vazias, pois faca alguma foi utilizada sobre seus conceitos de toda a situação.
O que o levou a ficar de vigia sobre Barbara, que não consegue esconder sua frustração por tudo acabar desse modo, e não poder fazer nada, porem recusou o apoio do ladrão e preferiu ficar um pouco afastada, esperando poder se juntar ao seu marido.
E indignado com o ultimo prato de Jacob, o indagava sobre as substancias que poderiam ter naquele ultimo prato, e mesmo que dentro de sua cabeça tenha uma conversa paralela, a expressão de seu rosto não mostra isso.


Ken - Eu queimei um pouco a parte do chocolate, e servi assim mesmo. Desculpa.

Não parecia estar escondendo nada, e só admitindo um erro em uma de suas execuções na hora do trabalho. Falando de forma bem envergonhada e cabisbaixa também.

Finalmente todos tinham passado a bola para Varuna, que foi o que mais se prejudicou com tudo isso, desde a discussão do dia anterior, até o momento que levou o ataque de Jacob. Todos tinham suas confianças que o Tritão faria a escolha certa.
E como um pastor acolhe seu rebanho e ensina a seguir o caminho do bem, o grande cozinheiro abre as portas de um novo recomeço ao homem que levanta devagar ao escutar as palavras inspiradoras do peixe Bagre. Abrindo as algemas e limpando o rosto com a manga de sua roupa, passando seu braço e tirando um pouco aquela feição de tristeza e vergonha.


Ken - Eu perdi o controle. Vou me guiar nisso que me falou... Não deixarei mais meu ódio e medo me controlar. Obrigado Chefe Varuna.

Uma alegria podia ser notada no rosto agora de Jacob, que com todas as provas e o encerramento final, finalmente entendeu que não havia motivo para ter tamanho preconceito com alguém que tem um dom de poder criar pratos de comida tão maravilhosos.
Barbara se aproxima e abraça as costas de seu marido como forma de reconfortá-lo, e não ficando na frente dos dois cozinheiros, não dizia nada, pois só queria ver o retorno de Ken a uma pessoa boa de antigamente.


O tempo passou de forma muito rápida desde o começo da competição, o céu já não tinha mais aquele brilho, e poderia escurecer logo em seguida.
Com tudo resolvido, parecia que só precisavam arrumar suas coisas e continuarem a conversar mais sobre o tal navio comprado de forma incrivelmente rápida.

Entretanto as saídas começam a ser fechadas por algum grupo que utilizam o mesmo tipo de uniforme, alguns desarmados, outros com armas de fogo e espadas.
Claramente se trata da marinha, e se organizam de forma a não deixar ninguém sair sem dar alguma satisfação.


Marinheiro líder - Nem mais um passo! Temos denuncias de tiros e brigas de faca nesse local. Podem começar se explicando ou vamos ter que levar todos vocês para passar a noite na cadeia.

Realmente havia muitos marinheiros, difícil até de contar, e pela forma como se organizaram para não deixar rotas de fuga, demonstram experiencia em prender bandidos que surgem na cidade.
Agora o que será que vai acontecer em seguida?


QUOTE
Varuna: Full HP




@Beja @Buse @Gaon @Anny-chan @ShadTK
mp
^
Buse
 Posted: Nov 12 2017, 03:39 PM
citar


Buse




140 posts

Ficha

Buse is Offline

Estagiário




Barbara havia abandonado o ar de flerte que apresentara anteriormente. Teria isso algo a ver com o fato de Corvo ter debulhado verbalmente a culinária de seu marido o transformando publicamente em um fracassado derrotado, e ela só flertara com ele para garantir votos para a vitória de Ken? Naaaah, com certeza tinha outro motivo. A solução simples nunca é a verdadeira.

O interrogatório então se iniciava, e Ken admitia a vil verdade... sim, a sobremesa havia sido produzida com o terrível ingrediente... chocolate queimado! Ao ouvir isso, Corvo se levantava e voltava à mesa dos jurados, pegando a taça quase cheia que havia deixado e voltando a comer. Saboreava metade do sorvete antes de se abaixar e cutucar Shaw, o oferecendo o restante da taça e cochichando para que ele e mais ninguém pudesse ouvir.

- Ô, foi mal não oferecer as paradas do velho, achei que iam estar envenenadas. Longa história, mas pega aí que tá firmeza, só meio queimado mesmo. - Acendia um cigarro após passar a sobremesa para frente, tragando a calmaria do momento juntamente com a fumaça.

Era então a vez do discurso dramático de Varuna, que parecia legitimamente fazer efeito. Talvez aquelas pessoas não fossem mestres mentirosos, lendários viajantes ou traiçoeiros frios como o ladrão havia imaginado - talvez Ken e Barbara fossem, no fim das contas, pessoas simples, capazes de mudar de coração quando expostos à bondade e piedade. Era um pensamento bonito, mas otimista demais para o ladrão, que ainda assim sorria pelo momento.

Claro, até o surgimento da marinha. Se organizavam com rapidez e eficiência, fechando o grupo e eliminando qualquer rota de fuga que pudessem assumir. E era esse o momento em que Corvo sorria de verdade, não por ser o socialmente esperado como antes, mas porque ele sabia que aquela era a situação pra que havia sido treinado durante boa parte de sua vida - sua hora de brilhar, digamos assim. Primeiramente, se virou para o grupo: Ken, Barbara, Varuna, Eon, Shaw e Moonshine. Precisava de espaço para trabalhar, e parte de seu plano envolvia passar a ideia de que todos estavam trabalhando em conjunto.

- Ei, galera! Podem continuar, deixa que eu resolvo. - Deu uma última tragada em seu cigarro, o jogando no chão e apagando com um pisão antes de começar a caminhar calmamente na direção do marinheiro líder.

QUOTE
Antes de prosseguirmos, é importante especificar algumas coisas. Primeiro, a aposta era que nenhum dos marinheiros havia os reconhecido de sua breve ida à base da marinha na tarde anterior - uma aposta um tanto válida porque bem, se um deles os tivesse reconhecido, teria dito algo, e segundo porque Corvo havia observado todos os marinheiros por que passavam na base e sabia que não mais que duas pessoas haviam prestado atenção no trio: o rapaz responsável pelo pagamento das recompensas e o estagiário que foi buscar esse pagamento, e este último também não tinha se interessado muito pelo grupo. Esses dois cargos, claro, são um posto fixo, completamente diferente dos de patrulha e de resposta a eventos como aquele que estava ocorrendo.

A segunda coisa importante a se especificar é que, entre caçadores de recompensa veteranos, o que Corvo definitivamente era, é uma superstição guardar o cartaz de sua primeira captura. Claro, Harima não havia sido sua primeira captura, mas havia sido a primeira de Eon e Varuna e, portanto, o ladrão havia guardado o cartaz do escravocrata consigo, esperando para entregar a eles em um momento oportuno em que pudesse explicar essa superstição.


Se aproximava do marinheiro que comandava o grupo com uma expressão séria, levando o dedo indicador direito à frente da boca, como se pedisse silêncio, e falou baixo, garantindo que o grupo não o ouviria. A última coisa que precisava era que Ken ou Eon estragessem seus planos.

- Boa tarde, senhor. Sou Leopold Lamora, caçador de recompensas. - Como prova, puxou seu colar para fora da camiseta, o mostrando disfarçadamente pelo tempo que fosse necessário para a análise do marinheiro antes de escondê-lo novamente. Após isso, puxou o pôster de procurado de Harima de seu bolso, o entregando para o marinheiro. - Eu e meu grupo estamos investigando um esquema de tráfico de escravos da região. Como pode ver, somos um tanto... variados. - Apontava discretamente com a cabeça para o grupo, em que três integrantes eram um gato falante, um tritão e um rapaz com asas. - A quadrilha responsável é traiçoeira, especializada em grandes confusões. A maioria dos relatos de sequestros deles são em eventos assim: multidão, confusão, eles aparecem do nada se aproveitando da bagunça. - Parou por um instante para avaliar a reação do marinheiro. Uma vez que confirmasse que ele estava acompanhando a história, continuaria. - Fontes confiáveis relataram que um dos membros foi visto aqui em Logue Town... esse cara do cartaz, especificamente. Então nós montamos um plano: com a ajuda de nosso contato local, o sr. Jacob, inventaríamos uma competição de culinária, reunindo centenas de pessoas para acompanhar o lendário duelo entre Ken Jacob e o tritão cozinheiro. Inclusive, devo prestar meus respeitos ao senhor Jacob e sua esposa, eles trabalharam perfeitamente o papel e não hesitaram em nenhum momento, mesmo sabendo do perigo que corriam. Realmente são tudo o que dizem. - Ken Jacob, afinal, era uma personalidade local. Dizer que ele era um caçador de recompensas viajante seria uma mentira facilmente desmentida, mas que ele era um contato que decidiu ajudar o grupo só reforçava sua fama de "homem que foi até aquele lugar". - Mas bem... não contávamos com uma ação tão rápida como a de vocês. A marinha apareceu no momento mais crucial da operação, e agora é certeza que os criminosos não vão dar as caras. Tanto esforço para nada... - Fechava os olhos, suspirando e balançando a cabeça em frustração, com o objetivo de fazer o marinheiro sentir culpa por impedir que criminosos fossem levados à justiça. Mas ainda havia o arremate. Ergueu os olhos novamente, voltando a falar com o marinheiro líder, e levou a mão ao ombro do mesmo, em um toque amigável. - Mas olha, devo parabenizar vocês. Sou do North Blue, de Bhaskr, e se acontecesse isso por lá a essa altura a marinha ainda nem teria começado a se movimentar. O tempo de reação de vocês foi excepcional... é uma pena que seja nessas circunstâncias, mas é bom saber que a cidade está bem protegida.

Uma história crível com evidências que a reforçam, acompanhada de uma dose de culpa e uma de bajulação: uma ótima sequência de fatores que faziam daquela uma mentira excepcional. Claro, Harima já havia sido preso, mas isso não havia sido noticiado, e portanto os marinheiros não tinham motivo pra saber que o grupo sabia disso.

This post has been edited by Buse: Nov 12 2017, 03:39 PM
mp
^
ShadTK
 Posted: Nov 12 2017, 04:36 PM
citar


ShadTK




293 posts

Ficha

ShadTK is Offline

Desenvolvedor




Eon Paganini

Um Teste de Logistica


- No três... um, dois -

Eon empurrou o fogão com toda a força que uma formiga tem para empurrar um cadeirante¹, e o objeto se moveu... cerca de 3 centimetros, antes de parar.


¹ Pelo menos ela está tentando ajudar.


- Oof. Ah qual é. Não estava no trato eu levar esse treco sozinho de volta. Onde ele deixou o carrinho...?

Eon olhou ao redor, procurando o carrinho com o qual o ajudante havia carregado o fogão. Não estava próximo do marinheiro de espingarda, nem do marinheiro com de espada. Não estava perto do marinheiro alto, nem do marinheiro moreno. Também não estava perto do marinheiro magro, mas olhando bem, logo ao lado... não, não é um carrinho, é só um marinheiro gordo mesmo.

- Huh. Tem mais gente do que eu lembro aqui.

Um dos homens grita, pedindo explicações sobre o que havia acontecido.

- Como assim, você não sabe? Saiu no jornal, hoje de manhã. Uma competição de culinaria, entre o peixe e o velho alí. Um evento que reuniu diversas pessoas no bazaar de logue town. Certamente, você tinha homens no publico para monitorar o evento, que deveriam ter te explicado tudo, não? Eon perguntou, legitimamente confuso.

Ele deixou o fogão de lado, olhando ao redor. - Sério, pelo menos um de vocês estava aqui pra ver, certo? Você, com o chapéu maneiro! - Diz, apontando para a direção de um marinheiro aleatório - Er, não, espera. Todos vocês tem chapéus maneiros. Bom, não bem 'maneiros' - Ele coloca uma mão sobre o queixo, invocando 'o pensador' de Auguste Rodin, menos a parte de estar sentado² - Bonés ficam bem baixo na escala de qualidade chapéus. Ainda merecem respeito por que são chapéus, mas não chegam perto de, digamos, um stetson - Ele diz, apontando para moonshine


² Ou pelado, graças aos céus.


- E antes de me chamarem de hipocrita, eu uso um QUEPE, que é milhas superior a um boné. Apesar de ainda não ser O MELHOR tipo de chapéu. Cartolas e chapéus cocos continuam sendo superiores, e dependendo de quem você perguntar, boinas... eu prefiro quepe a boina, mas entendo o ponto de vista... é uma questão de considerar a cultura por trás da vestimenta, entende.

Um debate interno sobre as definições de qualidade objetivas de chapéus toma conta na mente de Eon, e ele para de falar por um momento. Seu transe é apenas interrompido quando o ladrão anuncia que ia lidar com a situação.

- Eh, beleza, por mim tudo bem. Resolve lá - Ele diz e volta a olhar para o forno, esquecendo dos chapéus tão rapidamente quanto um jóvem adulto esquece de pagar um boleto no final do mês.

Era tudo uma questão de prioridades. Eon estava cercado de homens com o dobro do tamanho e força dele, os quais podiam atacar quando bem entendessem. Mas ele não estava devendo nada para esses homens. Nem para as armas deles.

Com certeza, Eon pensou, tudo isso podia ser resolvido por pessoas civilizadas que estejam dispostas a discutir os problemas e chegar a conclusões sensatas.

Com um forno e uma divida, entretanto, não se discute. O pedaço de metal não iria sair dalí, pelo menos não pelas mãos dele sozinho.

- Ayaya... isso não vai sair daqui hoje. Hmm...

E então, como um raio atinge um peixe de sorte particularmente ruim, uma idéia atingiu Eon.

- Yo, Ken, de onde tu tirou teu fogão? - Ele diz, face a face com o velho, sem exata noção do que significa "Espaço pessoal"

- Vou precisar ir no Ricardo Eletro depois e mandar ele buscar esse treco alugado. Digo, na real a responsabilidade é dele, eu paguei -especificamente- por um ajudante levar isso de volta e ele não está aqui, então se ele quiser me processar eu bato de volta com as clausulas certas do contrato e do direito do consumidor.

Ele se afasta caminhando inocentemente entre o espaço não coberto por marinheiros - Maaas como eu ajo de maneira justa, seria maneiro se tu pudesse guardar o fogão junto com o seu até isso tudo se acertar.




HP:40/40 -------- ENERGY:54/54




Atributos Primários
Spoiler


FORÇA: 2
ACUIDADE:4
PRECISÃO:10+2
DESTREZA:10+2
VITALIDADE:4


Atributos Secundários
Spoiler



DANO CORPO A CORPO:2 + 0 + 0 + 0 = 2
DANO A DISTÂNCIA:4 + 1 + 6 + 2 = 13
DANO DE ARREMESSO:4 + 1 + 0 + 0 = 5

ACERTO CORPO A CORPO: 12 + 0 + 0 + 0 = 12
ACERTO A DISTÂNCIA: 12 + 0 + 0 + 2 = 14

ESQUIVA: 12 + 0 + 2 + 1 + 1 = 16
BLOQUEIO: 12 + 0 + 0 + 1 + 1 = 14
AGILIDADE: 12 + 0 + 2 + 4 + 1 = 19

RESISTÊNCIA: 4/2 + 1 + 0 + 0 = 3
PONTOS DE VIDA: 4x5 + (2x10) = 40
ENERGIA:34+(2x10) = 54

DORIKI: (34+2)x5 = 180

✦ Formato: Atributo + Equimamento + estilo de luta + Pericias, Aprimoramentos e Demais=Total


Vantagens
Spoiler


PECULIARIDADES:
Aceleração (1PE): Você é mais ágil que o normal e pode realizar ações e correr mais rápido. Esta Vantagem permite realizar uma tarefa que normalmente tomaria sua movimentação no turno, como recarregar uma arma ou desativar uma bomba, porém ela não permite atacar mais do que o estipulado pelo mestre.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +4 em Agilidade.

Visão Aguçada (2PE): Possui uma visão além do alcance, consegue enxergar mais distante e também com mais nitidez que um olhar normal.
Benefício: Consegue enxergar melhor que o normal na penumbra (mas não em escuridão total). Recebe um bônus +2 em jogadas de acerto e dano para ataques à distância, e esses bônus são dobrados quando obtém sucesso em um ataque surpresa.

*Peculiaridades da raça

APRIMORAMENTOS:

Acrobata: Com grande capacidade de movimento, consegue entrar com facilidade em locais de difícil acesso, executar difíceis manobras e realizar acrobacias diversas.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa.

Equilíbrio Perfeito: Em condições normais, o personagem sempre consegue se manter em pé, independente de quão estreita é a superfície na qual ele está andando (uma corda esticada, uma saliência, um galho de árvore, etc.).
Benefício: Interpretativo; Recebe um bônus +4 contra testes de derrubar, e tem 25% de chance de ignorar o estado "derrubado".

Pulo do Gato: Contanto que o personagem não esteja amarrado ou preso, ele sabe como cair, isso mesmo! Qualquer queda, você sabe racionalmente e instintivamente como amenizar os danos do tombo.
Benefício: Interpretativo. Dano por queda é reduzido pela metade, e tem 25% de chance de ignorar o estado "derrubado".


Le Parkour (2PE): É uma atividade onde seus adeptos percorrem um caminho cheio de obstáculos e tem por finalidade chegar ao final do percurso em menos tempo. É composta por escaladas, saltos e outras manobras arriscadas na intenção de superar obstáculos rapidamente. Soma com Acrobata.
Benefício: Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa e agilidade, e ignora penalidades por terrenos difíceis.

Aparência Inofensiva (1PE): Por algum motivo você não parece perigoso. Talvez pareça muito pequeno, muito fraco, uma menininha segurando um pirulito... você escolhe o motivo. Além de outros benefícios, como entrar em lugares protegidos sem levantar suspeitas, possuir uma Aparência Inofensiva também ajuda em combate, pegando o oponente desprevenido. O truque NÃO funciona com ninguém que já tenha visto você lutar, e também não engana duas vezes a mesma pessoa! Não acumula com outras aparências.
Benefício: Interpretativo; Recebe penalidades quando tenta intimidar outros alvos; Quando cumpre os requisitos e limitações do aprimoramento pode aplicar um ataque surpresa mesmo que tenha sido notado, e recebe um bônus +2 neste teste.

Resistência ao álcool (1PE): Por algum motivo você adquiriu uma resistência maior ao álcool do que pessoas normais, podendo resistir aos efeitos da embriaguez.
Benefício: Quando sofre um ataque de "Embriaguez" o efeito diminui em um nível (mínimo nível 1).


Armas & Equipamentos:
Spoiler

https://vignette2.wikia.nocookie.net/nerf/i...&path-prefix=pt
Nome do Item:Stryfe SMG I
Bônus: +1 de Dano a distância
Descrição: Uma arma de brinquedo semi-automatica fortemente modificada, de forma que é capaz de atirar dardos de madeira com a mesma potencia que uma mini-bestra.
Historia do Item: Uma masterpiece de modificações de pistolas, estas pistolas surgiram em uma tarde de domingo, quando Eon e Seu pai estavam determinados a construir a mais poderosa arma de brinquedo do mundo. Um complexo sistema de molas, elasticos, imãs e espumas tornam esta pequena arma surpeendentemente letal.
Custo: 50.000 B

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q...S5Q-IVotIOR5zkA

City Escaper
Bônus: +1 de resistencia
Descrição: Um par de botas azuis com a sola particularmente grossa, pois contem rodas retrateis que permitem transformar a bota em um par de patins. São surpreendentemente confortaveis.
História: Cansado de trocar entre sapatos e patins, Icarus modificou um calçado de maneira a colocar 4 rodas em sua sola, assim podendo andar de patins onde bem entendesse. De quebra, dá mais 2 centimetros de altura!
Custo: 75.000 B




QUOTE




This post has been edited by ShadTK: Nov 12 2017, 04:39 PM
mp
^
Beja
 Posted: Nov 12 2017, 07:53 PM
citar


Beja




22 posts

Ficha

Beja is Offline

Aventureiro




Shaw
Twilight Corp vs Ken Jacob

Com as confissões e o aparente arrependimento de Jacob, Viper apropriou-se de um outro prato que havia sido servido na competição, degustando-o enquanto se dirigia a Shaw:

- Ô, foi mal não oferecer as paradas do velho, achei que iam estar envenenadas. Longa história, mas pega aí que tá firmeza, só meio queimado mesmo - entregava gentilmente ao felino, falando baixinho e recebendo um sorriso de satisfação de Shaw.

- Valeuzão, Viper! - respondia, radiante, como se fossem velhos amigos.

O gato espadachim voltava-se então para Eon, esperando sua resposta, mas o grupo era subitamente cercado por uma grande quantidade de marinheiros, questionando-os sobre a situação alí. Uma arma havia sido disparada há poucos minutos e Varuna ainda estava com a barriga cortada pelo golpe de Jacob. Tudo parecia, realmente, muito suspeito.

- Ei, galera! Podem continuar, deixa que eu resolvo - decretou o jurado misterioso, falando como se fosse bem próximo de todos alí. Shaw franziu as sobrancelhas enquanto segurava a taça recebida (e beliscava sutilmente as comidas dalí), um pouco preocupado com o novo amigo.

O jurado baixinho (e com asas!?), por outro lado, mostrava-se bem tranquilo com a situação, conversando com os demais e perambulando pelo local sem sofrer qualquer tipo de intimidação. Shaw rapidamente percebeu o perigo na situação, temendo que os oficiais interpretassem tais atitudes de maneira errada.

- Ei, você - gritou, dando passos rápidos e aproximando-se de Eon - Não se afaste tanto, estamos sendo interrogados - sussurrou, próximo a ele, como se alguém precisasse esclarecer a situação para aquele pequeno alienado - Vamos ver se Viper resolve tudo e ficar preparados caso... ele não consiga - finalizou, num tom de clara preocupação.

This post has been edited by Beja: Nov 12 2017, 07:55 PM

mp
^
Anny-chan
 Posted: Nov 12 2017, 10:33 PM
citar


Anny-chan




10 posts

Ficha

Anny-chan is Offline

Aventureiro





Depois de todo o discuros de Varuna, sobre paz e redenção, Moonshine somente encarou o tritão. Paz? Redenção? Piadas. Utopias, ilusões criadas por pessoas sonhadoras com um mundo perfeito.

Moon sabia que essas paradas não aconteciam. Por isso achava melhor sair vivendo sua vida o melhor que podia, e tirando seu entretenimento diario do caos que era o mundo. Caos que, convenhamos, ela contribuia um pouco.

Entretando, resolveu não comentar. Afinal, precisava de um motivo pra sair da cidade. Ela se virou pra Eon, que tentava empurrar o fogão, e ficou com um pouco de pena do garato.

"Ocê precisa de ajuda?" Ela perguntou. "Num acho que ocê sozinho consegue..." Mas Eon então desistia, e Moon deu de ombros. Não que ela fosse conseguir fazer alguma coisa - seu ponto forte era mira e não, bem... Força. Ficou alguns segundos moscando, tentando não prestar atenção no que estava rolando com Ken e Barbara, e sinceramente, com toda a situaão que a trazia um extremo desgoto. Ela realmente achou que tinha uma chance com a ex antes de saber que estava ganhando chifres com o cara que tinha se jogado no chão pedindo perdão. Ela riu da imagem mental. Uma sereia com chifres.

Então, enquanto ela estava presa nos devaneios, a marinha chegou.

Moonshine estava preparada pra blefar seu caminho pra fora da situação, afinal, reconhecia alguns rostos naquele esquadrão - homens que havia tratado durante seu periodo de trabalho no hospital. Mas o jurado que ela ouvira Shaw chamar de Viper tomou a frente e começou a explicar toda a situação, enquanto Eon somente saia do local e Shaw tentava o parar. Moon deu de ombros novamente, cumprimentou a marinha com o chapéu e começou a andar junto com Eon enquanto falava com os marinheiros.

"Sinhôres. Espero que ocêis tejam tendo um bom dia, e que o fervo que aconteceu pur essas banda não tenha atrapalhado o seu serviço." Ela passsa os olhos pelos marinheiros ali presentes, e para em um deles. Ela para e vai até ele, um dos marinheiros que estava segurando um rifle, o examinando com os olhos. "Tu é o Jimmy, né? Tua gripe passou? Tá tomando os remédio direito, sô? Lembra de se mantê hidratado." Moon deu uns tapinhas no braço dele, antes de voltar a andar em direção a Eon. Então parou novamente, como se lembrando de algo, e se voltou para o resto da marinha. "Se os sinhôres pudé resolvê esse mal entendido logo, esses sinhô que oceis tão vendo me ofereceram uma vaga de trabalho. E, bem, ocêis não tavam aqui pra vê, mas trabaiá de médica num restaurante com as comida do Seu Peixe? Meu estômago vai tê seus sonho tudo realizado." Ela gargalhou um pouco. "Então eu preciso ir pra casa e arrumá as coisa. Passá no hopital também e pedi minha demissão. Ocêis vão se cuidá, né? Agora que Loguetown vai tê um médico a menos, não quero nem ouvi docêis se machucando. Ordens médicas!"

Ela então encarou os marinheiros, com aquele olhar meio esperançoso e meio direto, como uma mãe que te pede para fazer um favor mas na verdade você é meio que obrigado a fazer o favor porque ela é sua mãe. Ela chamava esse olhar de seu olhar de médica para pacientes cabeças-dura.
mp
^
Gaon
 Posted: Nov 14 2017, 07:56 PM
citar


Gaon




37 posts

Ficha

Gaon is Offline

Fan-Ficker




Armas.

Varuna nunca foi muito fã de armas. Objetos de destruição em massa, a mecanização da morte. Claro, também não era chegado a armas brancas. Ou a golpes de mão nua. Ou violência como um todo. Mas armas de fogo...eram algo especial. Particularmente quando empunhadas por um exército treinado e com um propósito em mente. Foi assim que sangue tritão correu nas ruas.

Mas de qualquer forma, desta vez as armas eram empunhadas por um batalhão, não um exército, e seu propósito parecia ser apenas entender o que estava em processo.
Um propósito consideravelmente menos sombrio do que Varuna tinha em mente.

O tritão simplesmente ergueu as mãos no ar, em um gesto pacifista.


Varuna - Eu peço calma, em primeiro lugar. Abaixem suas armas, senhores, e tudo será explicado a vocês. Tudo isso não passa de um mal entendido, permitam-me exp--

Ladrão - Ei, galera! Podem continuar, deixa que eu resolvo.


Com essa interrupção, Varuna franziu o cenho e encarou o ladrão, que tomava um passo a frente e se aroximava dos marinheiros. Passou por sua cabeça contribuir, mas o ladrão, por mais suspeito que fosse, parecia ser um homem bom de lábia. Talvez fosse a hora de deixá-lo provar isso. Tinha alguma fé que ele fosse capaz de domar a multidão sem que o garoto ou a estranha mulher complicassem a situação com suas falas.

Se voltou para o garoto Eon, que tentava em vão mover um fogão elétrico. É claro que ele estava. Como uma formiga contra a montanha.. Varuna se aroximou com um sorriso, e tateou o fogão.


Varuna - Deixe isso comigo, Eon.

Usando toda sua força, Varuna o ergueu e pôs debaixo do braço.

Varuna - Agora espere aqui. Só poderemos devolver isso aqui quando acabar esse caos.

Se sentou, em pose de lótus, olhando para a multidão de marinheiros serenamente. Respirou de forma relaxada. Não fechou os olhos mas os deixou semi-abertos, e começou a meditar, deixando sua mente entrar em harmonia com o plano universal de existência. Com um fogão debaixo do braço.

Tudo que podia fazer agora era esperar. As vezes era o melhor a se fazer.
mp
^
Yusuke Urameshi
 Posted: Yesterday at 09:07 pm
citar


Yusuke Urameshi




1068 posts

Ficha

Yusuke Urameshi is Online

Administrador





Com a chegada da marinha todos no local reagem de formas diferentes, e não era para menos pois se encontram cercados e indagados sobre os acontecimentos, e tudo dependia da forma como iriam agir com os responsáveis de manter a ordem e a paz em Logue Town.

E foi nesse momento que Corvo se prontifica de fazer o trabalho de um advogado de defesa do que seria um grupo bem peculiar, que é composto de simplesmente de pessoas que não fugiram ao ataque de raiva do Jacob, mas podem se encrencar se algo der errado.
E com a aproximação do mesmo ao grupo de marinheiros, já podia ver algumas armas apontadas para sua cabeça, porem o líder ali presente faz um sinal para aguardarem.

Ao mostrar o colar de caçador de recompensa, a expressão de muitos ali mudam para uma mais calma do que de nervosos a ponto de tremer o dedo no gatilho de suas armas. E apos garantir a originabilidade do item que lhe classifica como um hunter, logo coloca suas mãos em sua cintura e escuta o cabeludo.


Marinheiro líder - Vamos la conte tudo.

Coisas como tráfico de escravos, Harima, Jacob, competição ensaiada. Fazia o líder do esquadrão ficar pensativo, levando sua mão ao queixo enquanto pensa em todos os fatos apresentados por "Leopold". Tinha uma certa logica, mas mesmo assim é um forasteiro causando problemas, levando a encarar Ken e sua esposa.

Marinheiro líder - Poderiam vir aqui comigo por um segundo?

Disse de forma educada ao morador da cidade, que logo foi junto com sua mulher falar a sós com a lei. Ele os leva para trás de seus homens que continuam no caminho esperando ordens para liberar todos ali, com um pouco de dificuldade dava para ver Jacob acenando com a cabeça de forma positiva ao que o marinheiro falava para ele.

Eon tinha um trato quando conseguiu o fogão, e parte dele não foi cumprida, mas não podia deixar de levar tal produto alugado para seu respectivo dono. E foi quando percebeu que de um lugar vazio, se tornou muito lotado de pessoas mal encaradas.
E como sempre solta sua afiada linguá para dizer o que vem a sua cabeça, mas como o líder esta resolvendo as coisas com Corvo, restou para os demais marinheiros ficarem se encarando as perguntas do jovem alado, e a maioria não entendi muito.

Shaw por outro lado se sente bem incomodado com tantas pessoas usando esse tipo de uniforme, e ainda mais com as ações de Eon que poderiam trazer certos problemas. Os números não mentem, e pela matemática do Mink, se Viper não tivesse sucesso teriam que desenvolver algum tática para contra-atacar.
Alguns soldados ficam encarando com certa curiosidade o gato espadachim, ver algo assim nos blue não acontece muito.

Moonshine depois de tratar dos ferimentos do Tritão, logo nota a presença de uma multidão no local, mas diferente dos demais ela tinha algo que podia lhe ajudar a livrar sua cara, seu trabalho no hospital. E por incrível que pareça Jimmy realmente esta ali, e parecia surpreso de encontrar a doutora que lhe atendeu a um tempo atras.


Jimmy - Doutora?! Se você esta aqui, quer dizer que foi você que atirou de novo.

Ao terminar de falar ele e mais alguns começaram a rirem, pelo que tudo indica essa médica tinha uma certa fama entre algumas historias locais. E como um bando de fofoqueiros todos vão passando essa informação até chegar ao marinheiro de maior graduação.

Varuna já sabia o procedimento e levanta seus braços e espera o pior, e quando se preparava para começar mais um de seus grandiosos discursos que envolviam muitas palavras motivacionais, foi interrompido pelo ladrão, que tinha toda a confiança para agir.
Como a situação parecia um pouco sobre controle o peixe Bagre resolve ajudar seu amigo esquelético com a questão do fogão. A força de um tritão é invejada por muitos e Varuna demonstra o porque ao pegar o eletrodoméstico com muita facilidade, porem não tinha pressa e se senta esperando o melhor.


Alguns minutos eram perdidos depois de pegar o depoimento de Jacob, mas logo o líder volta a sua posição inicial e da umas tossidas antes de começar a falar novamente num tom do voz o suficiente para todos ouvirem.

Marinheiro líder - Coff, coff. Bem, parece que não tem problemas por aqui. Mas já vou deixar como aviso para vocês, não envolvam pessoas da nossa cidade em suas caçadas. Se voltarem a fazer algo assim que possa criar vitimas inocentes, iremos prender vocês.

Fazendo uma pausa para respirar e encarando Leopold de forma a querer dizer algo para ele.

Marinheiro líder - Pode riscar Harima de sua lista, ele foi preso ontem. Então não tem mais o que fazer aqui. Qualquer problema que possa querer surgir aqui em Logue Town a gente da conta.

Parecia bem confiante em suas palavras, mesmo parecendo como todos os outros marinheiros, só um pouco mais musculoso. E com um sinal de mão todos os soldados começam a se deslocar de forma a liberarem o caminho para poderem fazer o que quiserem. Isso se ninguém estragar todo trabalho de Corvo.

O anoitecer começa a se aproximar, e a lua se mostra no céu esperando o sol ir embora de uma vez.
Jacob então vai em direção de Eon e Varuna e diz


Ken - Se quiser pode deixar o fogão, eu guardo e levo amanhã para a loja. É o minimo que eu posso fazer.

Parecia ainda envergonhado e com vontade de ajudar de alguma forma essas pessoas que alem de darem uma segunda chance, não lhe entregaram a justiça pelo seu ataque de raiva, mesmo que muito viram o ocorrido, sem queixas de vitima não haviam provas.
Agora se criando uma calmaria depois de tantos acontecimentos, e só restando o grupo decidir o que fazer desse ponto em diante.


QUOTE
Observação aos leitores de fora da aventura: Algumas ações são rolados dados via discord.
Por isso pode parecer meio confuso o player agir com algo que não foi revelado pelo narrador. Mas foi tudo permitido.




@Beja @Buse @Gaon @Anny-chan @ShadTK
mp
^
1 User(s) are reading this topic (1 Guests and 0 Anonymous Users)
0 Members:

Pages: (4) « First ... 2 3 4 
responder
novo tópico
fazer enquete